Fundo transparente PNG – Como deixar uma imagem sem fundo

Por vezes encontramos uma imagem genial, aquela que se encaixa perfeitamente na oferta do site, como se tivesse sido feita para esse propósito.

Mas aí nos deparamos com um problema: o fundo da imagem é diferente do fundo da página. Esse dilema é bem comum e é responsável por limitar o design de muitos projetos.

Contudo, é possível remover o fundo de uma imagem, sem que seja necessário baixar programas ou entender de edição de fotos. Existem sites que fazem esse serviço de maneira gratuita e com resultados satisfatórios.

É possível remover qualquer fundo?

Vamos colocar os pingos nos “is”. Não é qualquer fundo que pode se tornar transparente. Por se tratar de ferramentas online e gratuitas, as imagens que apresentam os melhores resultados são aquelas com fundo único, ou seja, cor sólida e sem muita mistura de cores.

Somente com o uso de programas, como o Photoshop, é possível trabalhar mais profissionalmente esse tipo de imagem.

Observe:

fundo transparente PNG

PNG

A imagem após ser editada, será salva em formato PNG, que é um formato de alta qualidade e grande fidelidade às cores. Saiba mais aqui.

Só lembrando que esse tipo de imagem é mais pesada, portanto, tenha cautela para não sobrecarregar sua página.

Como deixar o fundo transparente PNG

Tutorial em vídeo:

Sem mais, veremos 2 formas de remover o fundo de uma imagem:

1º Método: Online Image Editor

Esse é um dos sites que mais uso, pois apresenta ligeira qualidade frente às outras 2 opções.

1º Passo

Acesse o Online Image Editor.

2º Passo

Envie sua imagem, clicando no botão “Escolher Arquivo“. Selecione a imagem no seu computador e em seguida clique no botão “Enviar“:

3º Passo

Com a imagem enviada, clique na guia “Wizards“:

4º Passo

Nessa guia, clique na ferramenta “Transparência“, no ícone de diamante:

5º Passo

Clique na área do fundo que deseja remover e vá clicando até a transparência atingir todo o fundo da imagem.

Observe o GIF abaixo:

imagem sem fundo

6º Passo

Perceba que no exemplo anterior ainda sobrou alguns ‘riscos’ do fundo antigo. Para remover também esses vestígios, clique na opção “Traçar linha transparente” e selecione a grossura do traço:

7º Passo

Agora, mantendo o botão esquerdo do mouse pressionado, passe por cima dos vestígios de fundo antigo:

8º Passo

Para finalizar, clique no ícone “Salvar” e em seguida na pasta “Save Image Local“:

Imediatamente a imagem será baixada em seu computador.

Confira o resultado deste exemplo AQUI.




DICA:

Se você pretende recortar a imagem, é melhor fazer pelo próprio Editor mesmo, pois assim estará recortando a imagem com o novo fundo.

Para isso, clique na guia “Basics” e depois na ferramenta “Recortar“. Feito isso, basta dimensionar o tamanho do corte:

2º Método de como ter fundo transparente

Atualização 2016

O editor mudou de interface, sendo assim, os passos descritos abaixo podem não ser úteis para o novo editor Pixlr.

<->

Pixlr

Outra alternativa para remover o fundo da imagem é o Pixlr, que tem funcionamento semelhante ao Online Image.

1. Acesse o site do Pixlr.

2. Clique na opção “Abrir imagem do computador“:

fundo png

3. Clique duas vezes no cadeado para desbloquear o fundo:

4. Clique no elemento “Varinha mágica“, na caixa de ferramentas:

5. Clique com a varinha dentro da área que deseja remover (fundo). Aparecerá uma linha pontilhada ao lado do objeto:

6. Agora aperte a tecla “Delete” para remover a área selecionada:

7. Feito isso, clique no menu “Arquivo>>Salvar“:

8. Insira um nome para a imagem e escolha o formato PNG, para que fique com fundo transparente. Por fim, clique no botão OK para baixar a nova imagem:

Conclusão

Como vimos, essas dicas se encaixam melhor em imagens que tenham fundo sólido, com cor definida. É possível remover o fundo de imagens com várias cores ou em ambientes mistos usando o Pixlr, porém é um processo mais trabalhoso.

De todo modo, com os passos acima já se ampliam as possibilidades de melhorar o design de uma página ou de qualquer outra aplicação.

Solução profissional

Se você não ficou satisfeito com o resultado, mas também não quer usar programas complexos para remover fundos de imagens, como o Photoshop, existem outros serviços online que cumprem essa tarefa, porém não são grátis, os preços são cobrados em dólares e variam de U$ 3,99 a U$14,99 por mês.

Um desses serviços é o Clipping Magic.

Contudo, a regra para a “imagem com fundo definido” também vale para essa solução paga, isto é, os melhores resultados são naquelas imagens com fundo único.

É isso. Havendo dúvidas, comente.

Saiba mais sobre este projeto, aqui.

187 comentários para “Fundo transparente PNG – Como deixar uma imagem sem fundo”

  1. Por Rui Palmela

    Responder

    • Por Maristela Santos

      Responder

  2. Por Eduardo

    Responder

  3. Por Ana Caroline

    Responder

    • Por Marlon de Andrade Bento

      Responder

  4. Por Ana Caroline

    Responder

  5. Por Thiago

    Responder

  6. Por Mari

    Responder

  7. Por Grace

    Responder

  8. Por Márcia Malvina Alves Cavalcante

    Responder

  9. Por Adriano

    Responder

  10. Por Jeane

    Responder

  11. Por Eliete

    Responder

  12. Por Carol

    Responder

  13. Por Fábris

    Responder

  14. Por Rafis

    Responder

    • Por Gabriel Martins

      Responder

  15. Por lauraveridiana

    Responder

  16. Por Sergio Sousa

    Responder

  17. Por Fernando

    Responder

  18. Por Débora

    Responder

  19. Por Elisabeth Ramos

    Responder

  20. Por augusto

    Responder

  21. Por Maíra

    Responder

  22. Por Thayla

    Responder

    • Por Gabriel Martins

      Responder

      • Por Eliezer de Castilho

        Responder

  23. Por EVELINE

    Responder

  24. Por Viviane

    Responder

  25. Por lIVIA ABRAHAO

    Responder

  26. Por Fabiane Moraes

    Responder

    • Por Robson

      Responder

  27. Por Paulo H LIma

    Responder

  28. Por Maiby

    Responder

  29. Por Syang Santana

    Responder

  30. Por André Luiz

    Responder

  31. Por João Rosa

    Responder

  32. Por Marcus Corteletti

    Responder

  33. Por Marcio

    Responder

    • Por Gabriel Martins

      Responder

  34. Por sara

    Responder

  35. Por Bruna

    Responder

    • Por sara

      Responder

  36. Por Luiz Antonio Berto

    Responder

  37. Por Elizabeti

    Responder

  38. Por izabel cristina nunes

    Responder

  39. Por Caroline

    Responder

  40. Por LUIS CARLOS

    Responder

  41. Por Carolina

    Responder

    • Por Gabriel Martins

      Responder

  42. Por Liz

    Responder

  43. Por Josiane

    Responder

  44. Por Maria da Conceição PINTO

    Responder

  45. Por Marcelle Gonçalves

    Responder

  46. Por Eduardo

    Responder

  47. Por Daniele Brandelero

    Responder

  48. Por thais

    Responder

  49. Por Ariane

    Responder

  50. Por Adriano

    Responder

  51. Por Hudson

    Responder

    • Por Gabriel Martins

      Responder

  52. Por Jairo Velloso

    Responder

  53. Por Clô Santana

    Responder

    • Por Gabriel Martins

      Responder

  54. Por Gilson

    Responder

  55. Por Adriano

    Responder

  56. Por Keylla

    Responder

  57. Por Angélica

    Responder

  58. Por Vitória Bruscato

    Responder

  59. Por Miguel

    Responder

  60. Por Nina

    Responder

    • Por Jairo Velloso

      Responder

  61. Por Clayton

    Responder

    • Por Gabriel Martins

      Responder

  62. Por JJao

    Responder

    • Por Gabriel Martins

      Responder

    • Por Paulo Barros

      Responder

  63. Por Sirleia

    Responder

  64. Por julio cesar

    Responder

  65. Por Luciana

    Responder

    • Por Gabriel Martins

      Responder

  66. Por Michelle Dantas

    Responder

    • Por Gabriel Martins

      Responder

  67. Por Rafael

    Responder

  68. Por walderlei

    Responder

  69. Por Mariana

    Responder

  70. Por ingred

    Responder

  71. Por Lays Beatrice

    Responder

  72. Por Nilson

    Responder

  73. Por Liriana Tomio

    Responder

  74. Por Edilmara

    Responder

  75. Por LAURA LOPES

    Responder

    • Por Gabriel Martins

      Responder

  76. Por Rafaela Maira

    Responder

  77. Por Tó

    Responder

  78. Por ronaldo costa

    Responder

  79. Por Amanda Gonçalves

    Responder

  80. Por Eduardo

    Responder

  81. Por Adriano Martins

    Responder

  82. Por Carolina Belo

    Responder

  83. Por Fred

    Responder

  84. Por Juliana Mingorance

    Responder

    • Por Gabriel Martins

      Responder

  85. Por Tainá

    Responder

    • Por Gabriel Martins

      Responder

  86. Por Marcos Aurélio Raimann

    Responder

  87. Por Renato

    Responder

  88. Por carla

    Responder

  89. Por Diogo

    Responder

  90. Por MARA ALCIONE CUNHA

    Responder

    • Por Gabriel Martins

      Responder

  91. Por Márcio Maia

    Responder

    • Por Gabriel Martins

      Responder

  92. Por luciane

    Responder

    • Por Gabriel Martins

      Responder

  93. Por Carol Souza

    Responder

    • Por Gabriel Martins

      Responder

  94. Por Ana Lusia

    Responder

  95. Por Helena

    Responder

  96. Por Izabela Temponi

    Responder

  97. Por Raquel

    Responder

  98. Por Juliana

    Responder

  99. Por Rogério

    Responder

  100. Por Marcos

    Responder

  101. Por Larissa

    Responder

  102. Por Felipe

    Responder

    • Por Gabriel Martins

      Responder

  103. Por RUBENS CAMARGO

    Responder

  104. Por Nicoly

    Responder

  105. Por Alice Rezende

    Responder

  106. Por Clarissa

    Responder

  107. Por Weslley

    Responder

  108. Por Jessika

    Responder

  109. Por Multibom Sat

    Responder

  110. Por Hedio

    Responder

  111. Por Eloana Gomes

    Responder

  112. Por Regina Vieira da Costa

    Responder

  113. Por Diogo

    Responder

  114. Por Sandy Matos

    Responder

  115. Por Laila

    Responder

  116. Por Douglas França

    Responder

  117. Por Maria Helena Magalhaes

    Responder

  118. Por Franciele

    Responder

  119. Por Rafaela Moreira

    Responder

  120. Por laura

    Responder

    • Por Gabriel Martins

      Responder

      • Por Breno

        Responder

  121. Por Bruno

    Responder

    • Por Bruno

      Responder

      • Por Gabriel Martins

        Responder

  122. Por Lucas Rodrigues

    Responder

  123. Por Sandro

    Responder

  124. Por neemias

    Responder

  125. Por Misael

    Responder

    • Por Misael

      Responder

  126. Por Thaynara

    Responder

  127. Por Silvia

    Responder

  128. Responder

  129. Por Maria da Luz

    Responder

  130. Por Eliege

    Responder

  131. Por Igor Santos

    Responder

  132. Por Jeferson S. Brum

    Responder

  133. Por Jeferson S. Brum

    Responder

  134. Por Will

    Responder

  135. Por Arnaldo

    Responder

    • Por Gabriel Martins

      Responder

  136. Por Adriano de Sousa

    Responder

    • Por Gabriel Martins

      Responder

  137. Por David Jota

    Responder

  138. Por Jacqueline Santos

    Responder

  139. Por fernando

    Responder

  140. Responder

  141. Por Thiago

    Responder

  142. Por Ronaldo

    Responder

  143. Por Fabiane

    Responder

  144. Por Letícia

    Responder

  145. Por Priscila

    Responder

  146. Por Jonata Ventura

    Responder

    • Por Gabriel Martins

      Responder

  147. Por Agradecido

    Responder

    • Por Gabriel Martins

      Responder

  148. Por Misa

    Responder

  149. Por Laura Maia

    Responder

    • Por Gabriel Martins

      Responder

  150. Por fanny

    Responder

    • Por Gabriel Martins

      Responder

  151. Por Uelquer

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

X

65 milhões de pessoas, ONGs e empresas já criaram seus sites no Wix. Crie o seu AQUI

¤
Leia mais:
Dica Empresarial: Comunicação Simples e Objetiva

Fechar